As verdadeiras armas de destruição em massa;

Neste final de semana comecei a pensar no conceito de destruição em massa, não não pretendo destruir o mundo, muito pelo contrário. Porém, penso que seja um tema bastante complicado e que afeta ou pode afetar todos nós, por isso é importante refletir.

É possível ler em várias fontes sobre este tipo de armas, o seu conceito básico é: “Armas que podem matar um número elevado de pessoas de uma só vez.”, sendo que as mais famosas nós conhecemos:as bombas atômicas e as armas químicas. Analisando um pouco mais, lembramos que este tipo de “ferramenta” fica guardada em depósitos escondidos, e que embora possam causar grandes estragos não são ativadas diariamente.

Por outro lado encontramos as armas menores, essas, qualquer um de nós, mesmo que de forma ilegal, pode comprar.Lembre-se que eu estou falando de simples revólveres e pistolas, e não de AK’s-47 ou fuzis M-16. O único detalhe é que estas armas, que parecem ridículas perto das de destruição em massa, são disparadas e matam pessoas todos os dias. Ainda que preocupante isso que eu falei não parece tão espantoso quanto o que os números podem nos dizer, observe: Segundo o representante do PNUD(Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento) do Brasil, cerca de 40mil pessoas morrem anualmente no Brasil com o uso de armas de fogo, e o pior, este número é superior ao das vítimas na guerra do Iraque.

Será que devemos repensar o verdadeiro conceito de “Armas Destruição em Massa” ? Pois, as que se dizem de “destruição em massa” não matam tanto quanto as que não são.

Agora vamos virar o rumo do barco para outro lado, talvez paralelo ou uma consequencia-evolutiva da análise anterior. Este termo “Massa”(não é de pizza e nem aquela gíria lá) chama a atenção, e para alguns deve lembrar “muita gente”, “povo” ou “população”. Sabe-se que uma “massa” bem liderada e articulada pode mover montanhas, inclusive eleger líderes políticos. Através da articulação a massa pode se mover com qualquer propósito e se tornar uma “Arma de mudança em massa” ou ainda “Arma de contestação em massa”.

A tecnologia tem contribuído para que esta articulação aconteça de maneira muito rápida, onde pessoas que estejam em lados opostos do mundo, possam lutar por um propósito em comum. Pense que isso é uma grande ferramenta, e que pode trazer grandes benefícios ou grandes prejuízos. Será que as organizações, os governos, e as panelinhas não-produtivas estão começando a pensar melhor sobre as suas ações ou condutas? Do contrário poderão arcar, na realidade já estão arcando, com as consequências da massa articulada.

Afinal, será que o mundo está dando um giro de 180°? Ou seja, está mais fácil a massa destruir a arma do que a arma acabar com a massa.

Rodrigo Gonçalves – 14/03/2010

One Response to “As verdadeiras armas de destruição em massa;”

  1. Mais um ótimo pôster seu, parabéns, que você continue sempre abeçoado para escrever em seu site.

Leave a Reply